E Campel
O amor incondicional na visão do iluminismo poético
Meu Diário
13/02/2011 22h35
Uma nova página de amor

Uma nova página de amor

A sensação mais ordinal...
Como explicar de coração?
Na tradução mais poética...
De expressão mais autêntica...
E com a dimensão imortal...

No toque de ouro perfumou!
Quando o norte se fez morfeu...
No lado esquerdo se escondeu!
No grande amor profissional...
E com um desejo especial...

No voto do passado se renovou...
Pelas lembranças que acordaram...
Belo talento que se qualificou!
No paradigma de amor que se fez...
Para uma nova página mais uma vez...



***Foto da Autora*** 

Publicado por E Campel
em 13/02/2011 às 22h35
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Site do Escritor criado por Recanto das Letras