E Campel
O amor incondicional na visão do iluminismo poético
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


O CANTAR DO PASSADO

Sempre bem vindo serás...
Desmontas recordações tão belas...
Fazes as cores azuis das aquarelas...
Pra perfumar essa Flor que mui se inspirou!

Oh! Como plumas macias acaricias...
Numa beleza sadia de conto de fadas...
Portfólio lembrado estilo de primor...
Pura cantiga de brilho que veio e ficou!

Modos operandos! Sonhos! Avion! Voou!
Com os céus estrelados cheio de amor!
Para traduzir esse dobrado de jasmins!
Pelo encanto do porvir dos tempos sem fins!

São tradições! Quiçá espelhos! Missões!
Emoções que se mostram irradiando a luz!
Valores que fazem o grande poder!
Por esse brio de amor que vejo em você!

Ah! O cantar do passado!
Mensurado doce encanto de reviver!
Agraciado meio transformação do saber!
Pelo esteio dessa emoção conceber!

***Foto da Autora***
E Campel
Enviado por E Campel em 22/10/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras