E Campel
O amor incondicional na visão do iluminismo poético
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
10/12/2018 12h05
UMA NOVA PAZ

UMA NOVA PAZ

Cada dia tem um novo tempo, o homem enxergará...
Semeaduras do advérbio, ministérios do ordenamento...
O monte sinal de uma lembrança que socorre...
No verbo imortal da esperança que pode!

Diáfano mito do encantamento, juízo final...
Mistificado meio do provimento, inciso ideal...

Daqueles que nunca buscaram a luz!
Nem muito menos a Cruz de Jesus!

Por isso nunca acreditam, viram uma alma perdida!
O jeito é esperar à hora chegada!

Se veio e faz! Senso capaz!

Quem dirá o Espelho pode brilhar noutra vida...
Quiçá nesse momento numa nova Luz querida! 

Na certeza de tudo! Uma Nova Paz!

***Foto da Autora***


Publicado por E Campel em 10/12/2018 às 12h05
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras