E Campel
O amor incondicional na visão do iluminismo poético
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Meu Diário
28/04/2018 21h36
O DIA AMANHECEU DIFERENTE

O DIA AMANHECEU DIFERENTE

Nova aurora a luz do Sol traduziu...
Condição da imaginação!
Muita paz no coração!
Mágica inspiração conseguiu ensaiar...
O grande bailado da pura sintonia musical! Verdadeiramente!
O dia amanheceu diferente!

O desmonte solene se fez na Luz que produziu...
Emoção viva da tradição!
Leve toque da pureza missão!
Mãos que chegaram pelo encanto certeza...
Quando tudo se transforma em beleza! Onipotente!
O dia amanheceu diferente!

Enfim as energias fizeram o Baluarte estandarte da cor...
Perfumando com a voz do amor!
Pelo esteio da mente sorri o que preciso for!
Pra saber ser a Flor das semelhanças da vez...
Quando os efeitos conseguem multiplicar! Sempre!
O dia amanheceu diferente!


***Foto da Autora***


Publicado por E Campel em 28/04/2018 às 21h36
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
24/04/2018 21h37
ESPIRITUALIDADE

ESPIRITUALIDADE

É manto dos dogmas da evolução...
Caminhos certezas das sendas do saber...
Medidas da onipotência augusta tradição!
Promissora voz que abraça com emoção!

Oh! Doçuras santas companhias edificantes!
Que fazem gigantes poderes providentes!
Inspirando nas luzes bem vindas! Saídas!
Mirantes! Valores! Sonhos de vidas!

Do arpoador a Estrela sempre brilha!
Nas constelações dos mundos espelhados!
Onde o assoalho anseia vis o feito enigma!

Dos sábios pelas puras magias!
Das luas sempre sorrindo todos dias!
Dai à espiritualidade irradiar sabedorias!

***Foto da Autora***


Publicado por E Campel em 24/04/2018 às 21h37
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
24/04/2018 21h00
BELA SEMPRE

BELA SEMPRE

Já viste coisa mais bela...
Do que uma bela mangueira?
Quantos frutos nascem dela!
Por isso sempre será!

Bela sempre!
Muitos mistérios!
Segredos da formosura!
Por isso sempre será!

O estado de luz precisa!
A vida que se faz!
O tempo que conduz!

Muitos feitos são permanentes...
Sonhos encantam a gente!
São raios de luz!


***Foto do Google***


Publicado por E Campel em 24/04/2018 às 21h00
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
24/04/2018 01h15
FLORES E MAIS FLORES DO MEU JARDIM

FLORES E MAIS AMORES DO MEU JARDIM

Um dia o girassol me encantou, sonhos realizei com muito amor...
No tempo preciso o melhor aconteceu, estrelas iluminaram o saber...
Na sintonia do mirante o mar fez a promessa talvez!
Muitas flores se chegaram mais uma vez!

Se foram dez muito mais aconteceram, a bom bocado....
As luas sinalizaram, quando o Sol começou a brilhar...
Mister mistérios dos lírios perfumaram a inspiração!
No arquipélago do esconderijo do meu coração!

Os jardins indicaram o ritual, grandes estilos da fada madrinha...
Quando multiplicados foram os perfumes, glamour dos amores!
Vinte Montes vero justos calientes!
Sempre certos do desejo como sempre!

A fonte de maior atração, segurou o grande luar...
No sonho lúcido de depois encantar, cantarolar...
É a luz que alumiou o mesmo alecrim!
Que se escondeu e logo apareceu para mim!

***Foto do Google***


Publicado por E Campel em 24/04/2018 às 01h15
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
24/04/2018 00h41
NO FORMATO DO PASSADO O PRESENTE DE UM FUTURO

NO FORMATO DE UM PASSADO O PRESENTE DE UM FUTURO

Agnadas das santas vozes amigas, mistérios que digam...
Tradições das vivas doces companhias, qual puro resplandecer...
Formato do passado gente que desperta!
Na cantiga de ninar do céu infinito!
Pela pena que desenha tudo estar escrito!

Oh! Presente justo perfumado, estilo de pensar!
Transformado pela brisa, do alvorecer do dia...
O recorde da produção reluz paginas mistificadas que traduzem...
A luz do sol que aquece o encanto do diáfano poder!
Numa fidalguia que fortalece a paz de viver!

Tudo perfilado se transforma, em linhas de linhagens do amanhã ...
Pelas fontes que conclamam, in site das cordilheiras da vida...
Futuro promitente do grande universo feliz!
Ordem do tempo sagrado que se fez!
Formato do passado! Presente de um futuro mais uma vez!

***Foto do Google***


Publicado por E Campel em 24/04/2018 às 00h41
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E Campel e o site ecampel.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 11 de 310 « 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 » [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras